No meio do século passado Stefan Zweig criou a expressão “Brasil, o país do futuro”, referindo-se a nós como o futuro do mundo. Estamos crescendo economicamente, em poder de compra, em distribuição de renda (mesmo que ainda num ritmo lento)

Por: Hospitalar Santa Celina

 Atenção Domiciliar e Promoção de Saúde: exemplo da importância da saúde no país do futuro.

No meio do século passado Stefan Zweig criou a expressão “Brasil, o país do futuro”, referindo-se a nós como o futuro do mundo. Estamos crescendo economicamente, em poder de compra, em distribuição de renda (mesmo que ainda num ritmo lento) e em muitos outros indicadores que evidenciam esse avanço do país. O interessante neste crescimento é notar que esse avanço já saiu dos números e está na cabeça do brasileiro, como mostra uma pesquisa feita pela Fundação Getúlio Vargas sobre a Felicidade Futura no Mundo.
Segundo a pesquisa, os brasileiros estão otimistas quanto ao seu futuro, com boas expectativas de felicidade para os dias que virão. Pode-se atribuir esse otimismo a tudo de bom que as pessoas vem vivenciando de positivo em suas vidas, especialmente aquelas que não tinham acesso aos gostos e aos produtos da classe média. O crescimento dessa chamada classe C e do país de maneira geral trouxeram também acesso a serviços de saúde melhores do que o governo podia oferecer até pouco tempo atrás e este ponto pode ser considerado um grande influenciador nessa perspectiva positiva de felicidade.
Saúde é o fator de qualquer perspectiva positiva que se refira a felicidade, pois sem saúde não se é feliz com dinheiro, com sucesso ou com outros dos vários fatores que são vistos como parâmetros de felicidade na sociedade atual. Mas como esse fator está relacionado com essa perspectiva positiva de felicidade futura na cabeça do brasileiro? A resposta pode estar em dois aspectos dessa relação: a consciência da importância da saúde para essa felicidade pelos brasileiros; e os cuidados preventivos que são cada vez mais trabalhados pelas empresas de saúde na cabeça da população, como fazem as empresas de atenção domiciliar, por exemplo.
A aliança dessa consciência com as ações de prevenção de saúde possibilitam uma perspectiva melhor de futuro para o brasileiro e um cuidado melhor da sua saúde que é fundamental para qualquer futuro positivo almejado pelas pessoas. Exemplo de uma ação oriunda da importância que a saúde tem hoje no país junto aos cuidados preventivos é o conceito de Gestão Integrada de Saúde, empregado pela Grupo HospitaLar Santa Celina, um conceito relativamente novo na área da saúde, onde se trabalha com um cuidado mais focado com a saúde quando uma pessoa está enferma, com serviços de atenção domiciliar, aliado a ações de prevenção e promoção de saúde quando ela está saudável. Esse conceito é um exemplo de que a saúde é fundamental para qualquer felicidade presente e está sendo bem cuidada para qualquer futuro positivo que se apresente para nós.
http://www.hospitalarsc.com.br

 Hospitalar Santa Celina